Pocket Conto - O Tempo e a Memória

by 11/23/2013 0 comentários
No início da noite, olhando pela moderada fresta da janela, ele deu por conta da época em que havia para si guardado o amor.

Sozinho e desajudado não sabia o que fazer com a vida, a única certeza dominante em seus pensamentos era a de que o tempo passa mais rápido do que a memória.

Image Credit: violscraper via flickr.

SS Martinelli

S²FM

Pela janela olhei, tulipas não encontrei. Pensei, Filosofei, Bloguei.