A Aquisição

by 11/23/2014 0 comentários
Simples,
o tempo percorre sem armadura
sem guarda-chuva
sem abotoadura

Definir quem amar é sem graça
com certeza uma grande desventura tua

Elementar,
o tempo em si é infinito
no restante
lança-se certa temporada

Acumular palavras
reter a prosa do laço que uni todos os lados
sarapantando a benquerença
o olhar aterrissa naquele gélido desapegar

Nada mais para frente
esbarra no sol

No ruir do dia
apenas a sombra tal como companhia

Natural,
o tempo constantemente anseia por melhores histórias

Um passo do abismo
a ponte sempre estará lá.



SS Martinelli

S²FM

Pela janela olhei, tulipas não encontrei. Pensei, Filosofei, Bloguei.