Derrame do Ramerrame

by 1/06/2014 0 comentários


Recolho os cansados olhos do ramerrame
Arrisco visualizar o futuro
Escuro labirinto

Sem plantas nos muros
Procuro a flor
quem sabe ela
suavize

No entanto
nem brisa
nem cor
nem cheiro

Tudo seco
como palha
ao menor movimento
Fogo!


SS Martinelli

S²FM

Pela janela olhei, tulipas não encontrei. Pensei, Filosofei, Bloguei.